[siteorigin_widget class=”bcn_widget”][/siteorigin_widget]

Serviços

MEDIÇÃO DA OBRA “IN LOCO” SEM ÔNUS

Para garantir a aplicação do material com exatidão na obra, a Maxilajes vai até o local realizar a medição da sua obra seguindo orientações técnicas de seu projeto tais como sobrecarga utilizada, sentido das vigotas, espessura da laje, etc., sem cobrar nada a mais por este serviço.

 

ORÇAMENTO COM DETALHAMENTO E SEM COMPROMISSO

Para mostrar nosso compromisso com o cliente realizamos orçamento sem compromisso e com um diferencial: o projeto detalhado em CAD para que você se sinta mais seguro no que está adquirindo.

Fornecimento da Planta de Montagem para orientar a execução da montagem da laje, para que tudo ocorra conforme o planejado.

EMISSÃO DA ART CREA

Preenchimento e pagamento da taxa ART (Anotação de Responsabilidade Técnica) junto ao CREA, necessário à fiscalização das atividades técnico-profissionais.

 

PRODUTOS E SERVIÇOS ADOTADOS PELA MAXILAJES:

O QUE OBSERVAR NA COMPRA DA LAJE?
  1. Treliça Gerdau ou ArcelorMittal (Belgo) – vem nas bitolas de aço de acordo com a norma, na H8 ferro superior 6,0 mm; senoíde 4,2 mm e inferior 4,2 mm, enquanto que tem treliças no mercado com bitolas bem inferiores e com solda fora das normas.
  2. Lajotas de Santa Catarina – bem superior do que as de Curitiba, pois é de cerâmica e não barro e representado em até R$ 1,50/m2 no custo. 07 cm que em relação às de 06 cm proporciona uma economia de concreto de R$ 2,50/m2.
  3. Vigueta – de acordo com a norma, pois temos de 13 cm de base por 03 cm de altura, existem viguetas de 12, 11 e até 10 cm de base e até 02 cm de altura.
  4. Concreto nas lajes convencionais de 25Mpa e na laje treliçada 30Mpa, mais sempre utilizando para cálculo 20 Mpa que é a pior situação para cálculo e o mínimo exigido pela norma.
  5. Desmoldante das lajes – material bio degradável onde após sua fabricação não sobra nenhum resíduo do produto nas viguetas, pois em 90% das fabricas é utilizado óleo queimado que além de ser ecologicamente errado seu uso para a obra cria uma camada que isola o contato do revestimento (reboco) nas viguetas no caso de laje treliçada e uma pior condição na laje convencional isola a capa de concreto das viguetas.
  6. E.P.S (Isopor) – nas lajes de 08 cm de altura material com densidade T5 e nas lajes mais altas com densidade T4, cuidado com as lajes que usam E.P.S com densidade T3 que é aquele material que se vende em papelaria.
  7. Estoque de 8.000,00 m2, nas lajes padrão sempre irá viguetas secas e pronta entrega, pois desta maneira poderá ser feita a medição num dia e a entrega nas próximas 24h tudo no tamanho exato e material seco.
  8. Engenheiro responsável com 20 anos de formado especializado em estruturas pela Universidade Federal do Paraná.
  9. Sotware específico para cálculo de lajes fornecido pela ArcelorMittal Brasil (antiga Belgo) e alto QI.
  10. ART (Anotação de Responsabilidade Técnica), crea da laje – sem ônus e sempre entregue de todas as lajes.
  11. Planta de montagem – isto também tem um custo no preço da laje, pois envolve um profissional técnico na empresa para orientar e agilizar na hora da montagem da laje.
  12. Vendedores altamente qualificados tecnicamente e atenciosos para resolver qualquer problema que venha a acontecer no processo da laje.
  13. Medição no local – profissional altamente qualificado proporcionando a real área da obra como também tirando a responsabilidade do mestre, engenheiro ou proprietário sobre as medidas da laje.
  14. Visita técnica antes da concretagem da laje – para verificar se está tudo da maneira mais correta tanto na montagem como o escoramento das lajes.
  15. Entrega sempre com caminhões novos e mão de obra especializada – o caminhão novo é ideal para condomínio ou locais fechados para que não haja vazamento de fluídos nas calçadas e que seu material com certeza chegará, pessoal uniformizado para identificação na obra e romaneio de material para ser conferido na descarga e assinado.